BOAS VINDAS!

Obrigada por visitar meu blog! Espero que tenha gostado! Dúvidas e comentários serão respondidos com atenção. Para ler todos os posts de uma história, é só clicar nos marcadores!



YAMÊ ARAM

segunda-feira, 1 de maio de 2017

QUERO MAPARÁ ASSADO!

Estava sem saber o que escrever, aí, passou na tv a pesca do mapará. Quem já comeu sabe, é maravilhoso! Estou com a boca cheia d'água, parecendo aquelas cadelas famintas. Lembro-me que quando era criança, minha mãe assava aquele monte de mapará, que quem gosta de comer esse peixe, amassado com farinha bem amarelinha de mandioca brava, mais umas três pimentas murupís amarela, cortar um pouco de cebola de cabeça picadinha, umas cebolinhas e coentro, vai até uma chicória também, e mandar pra boca, sabe que eu não estou mentindo, quando digo que a gente não sai da mesa sem antes comer uns dez maparás.

O mapará é um tipo de peixe liso, ou como se diz aqui na Bahia, um peixe de couro. Tem um sabor forte e único. Nenhum outro peixe se parece com o sabor do mapará. Aliás, todo peixe é único em seu sabor. Mas o mapará é inigualável. Quando assado, você come barbatana, a pele cheia de gordura, que chega vem pingando pra dentro do prato, a cabeça que também é deliciosa. Do mapará se come tudo, até o bucho.

Aquilo você vai comendo. Comendo. Comendo. E comendo. E não para de comer. O ruim, é depois que esfria. Mas, não quero falar disso agora pois quero agussar meu paladar e meu desejo, pra que quando eu for ao Amazonas, e quero ir no tempo que dá mapará, pra poder comer uns cinquenta. Quero ficar arrotando mapará por vinte semanas. Nossa, é bom demais! Ainda bem que comi bastante peixe nessa época, porque durante um tempo foi só frango e carne vermelha.

Agora aqui na Bahia, por exemplo, estou aproveitando pra comer todo tipo de frutos do mar, e outros tipos de peixes, também, todos com sabores únicos e inigualavelmente deliciosos. Mas, nenhum se compara ao meu saudoso mapará, de quantidade incontável. Quando é tempo de mapará, dá tanto mapará, que caboclo tem dá pros outros pra que o rio continue abençoando-o com a mesma abundância de mapará todo ano. Não tem quem não leve mapará pra casa nessa época.

O que mais se vê nessa época, é fumaça saindo da cozinha de todos os caboclos assando mapará. Tem gente que come até cozido. Eu não gostava muito porque ele muito gorduroso. Nem frito eu já experimentei. Só comi assado e amo comer mapará assado. Aqueles pedaços de pele de mapará misturados com a sua carne gordurosa, mas não pense em uma gordura ruim, pense na mais saborosa gordura, é assim a gordura do mapará, ficam deliciosos quando dentro da boca.

Quando ele assa bem sequinho, dá pra comer até os ossos, que chegam estalarem quebrando-se nos dentes famintos. Sua carne é meio avermelhada, com algumas parte mais escuras, e quando assada, fica meio amarelada por causa da gordura que vai penetrando-a enquanto assa. Imagine então, o que uma gulosa como eu devia fazer de estrago comendo mapará assado. Não se tem necessidade de se comer arroz ou qualquer tipo de mistura quando se come mapará, pois o bom de comer mapará, é comer muito maparás!

Google+ Badge

Google+ Followers

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Seguidores

Follow by Email

Google+ Followers