BOAS VINDAS!

Obrigada por visitar meu blog! Espero que tenha gostado! Dúvidas e comentários serão respondidos com atenção. Para ler todos os posts de uma história, é só clicar nos marcadores!



YAMÊ ARAM

terça-feira, 12 de julho de 2016

A APARIÇÃO DO ARCANJO SÃO MIGUEL

Uma mulher apareceu em meu quarto quando eu tinha oito anos de idade, ela veio do nada, geralmente eu sinto quando eles aproximam de mim, mas nesse dia em não pressenti nada. Quando dei por conta, ela já havia levado meu espírito para uma região árida, somente com algumas montanhas ao longe, uma bela paisagem para se admirar, com o céu maravilhoso dividindo seu azul com o branco das nuvens, que naquele momento iluminavam o firmamento de uma bela tarde.

Eu virei-me para a mulher que estava em pé do meu lado direito, usava um vestido branco, de um pano muito fino e muito transparente, mas nada de seu corpo etéreo aparecia quando a olhávamos, somente seu enorme tamanho se sobressaía sobre tudo, deveria ter uns dois metros de altura, era realmente uma mulher enorme, seus olhos eram negros e muito pequenos, sua pele do rosto era rosada, e parecia ter uns quarenta e cinco anos de idade, sua face sisuda dava medo de falar com ela.

Eu mantive em pé do seu lado sem intimidar-me com sua rispidez, pois já tinha visto espíritos assim, e sabia que eles não me fariam mal, mas eram daquela forma, por terem pouca tolerância com a tolice dos homens. Mas, eu sabia que ela estava ali comigo por querer mostrar-me alguma coisa que eu não podia entender o que significava naquele momento, disso eu já sabia, pois quase sempre eu não conseguia entender o que estava vendo, mas eles sempre diziam que era necessário que eu visse tudo que eles queriam me mostrar.

Então, enquanto eu tentava conversar com o espírito daquela mulher, um palácio foi jogado do céu, e muitos espíritos estavam dentro dele, e eu então, fui levada a ver todos que estavam dentro do palácio que estava caindo do céu sobre a terra, e vi que haviam muitas crianças, e uma compaixão tomou conta do meu coração, e eu intercedi para que aquela mulher fizesse alguma coisa, pois se ela não fizesse, eu faria. Então ela me mandou ficar quieta, e simplesmente observar o que estava acontecendo, e que eu não deveria me mover do seu lado, o que muito perturbou meu espírito, pois não queria que todos dentro daquele palácio morressem quando ele atingisse o chão.

Google+ Badge

Google+ Followers

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Seguidores

Follow by Email

Google+ Followers