BOAS VINDAS!

Obrigada por visitar meu blog! Espero que tenha gostado! Dúvidas e comentários serão respondidos com atenção. Para ler todos os posts de uma história, é só clicar nos marcadores!



YAMÊ ARAM

domingo, 26 de junho de 2016

SÃO GABRIEL O ARCANJO III

Depois que São Gabriel apareceu para  mim, e eu o vi a olho nu, ainda continuei morando em Guarapari por alguns meses, e meditava o tempo todo em tudo que aquele arcanjo havia me dito, eu sabia que alguma coisa muito grande estava para acontecer, e que como havia acontecido no passado, aconteceria novamente, mas eu só não sabia como tudo iria acontecer, mas do que nunca, eu também sabia que estava acordada, e deveria ver tudo que estava acontecendo no mundo dos  homens e no mundo dos espíritos.

Eu sabia o que a visita de Gabriel significava, e o que suas palavras estavam dizendo, só não sabia, como eu poderia fazer alguma coisa além de ouvir e ver, embora, naquele momento, a ordem que havia sido me dada, era de que eu só deveria ver o poder dos espíritos, e que não deveria lutar ou tentar fazer alguma coisa para impedi-los de manifestar seu poder. Isto muito me incomodava, estar presa e impedida de interferir quando eu achava justo e certo interferir qualquer coisa, sempre fui muito impetuosa, vingativa, sagaz, mas também sabia ser simples quando necessário, e naquele momento eu deveria estar quieta e com os olhos bem abertos.

A escola de música onde eu dava aula de canto, ficava localizada bem no final da orla da Praia do Morro, em frente ao hotel Porto do Sol, e quando chegava o final do meu dia de trabalho, eu descia até a praia, tirava o sapato e ia caminhando até o final daquela praia maravilhosa de Guarapari, pensando em tudo o que o arcanjo havia me dito, e tentando encontrar formas para tentar interferir naquela situação que eu tinha visto, e que eu sabia, precisar de uma atenção muito especifica e sábia, pois tudo o que eu tinha visto e ouvido, estava relacionado com o futuro do planeta e do homem.

Gabriel tinha um rosto de menino, com os cabelos bem loirinho e com cachinhos que iam até as suas sobrancelhas, e também cobriam um pouco suas orelhas, que eram pequeninas e vermelhas, seus olhos eram com de mel, quase que amarelo, seus dentes eram branquinhos e todos tortinhos mas eram lindos, e lhe deixavam o um sorriso maroto e lindo, seu nariz era extremante pequeno e afilado, e a sua pontinha era avermelhada de tão clarinha que era sua pele, mas era o Arcanjo Gabriel.

Google+ Badge

Google+ Followers

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Seguidores

Follow by Email

Google+ Followers