BOAS VINDAS!

Obrigada por visitar meu blog! Espero que tenha gostado! Dúvidas e comentários serão respondidos com atenção. Para ler todos os posts de uma história, é só clicar nos marcadores!



YAMÊ ARAM

quarta-feira, 22 de junho de 2016

A CIDADE SAGRADA IV

Assim que nossos espíritos apareceram dentro da encruzilhada onde havíamos nos encontrado, um estrondo no céu nos fez olhar para o sul, e um grande buraco se abriu nas nuvens, e um Principado que tinha como poder a destruição, passou pelo buraco aberto nas nuvens, e flutuou sobre a terra, e veio em nossa direção mas não tocou o chão, mas a sua destruição tocou a terra ao nosso redor, mas não nos atingiu.

O Principado dizia que a terra e os homens estavam entregues na sua mão, e fazia de tudo para nos atingir, mas não foi lhe dado autoridade para que nos tocasse, mas tínhamos autoridade para ver a descida daquele Principado que queria descer oculto para destruir a terra e  os homens, sem que estes fossem avisados. Mas a decisão para que pudéssemos ver a descida Dele, também foi dada quando Ele decidiu descer sem a ordem divina.

Eu e homem permanecemos de pé no meio da encruzilhada sem sermos atingidos pelo poder daquele Principado, cujo poder tinha por nome destruição, e nada pode livrar o homem e a terra de suas mãos. Então, o Principado irou-se por não poder nos atingir, e intentou novamente contra nós com mais poder, e antes que seu ataque nos alcançasse, fomos tirados para fora da carta dourada que estava posta sobre a mesa.

A carta trazia em sua face uma mulher linda, toda ataviada de ouro e prata, com roupas do mais puro linho, mas era um príncipe dos espíritos demoníacos, e tinha descido para ferir o homem e a terra, e montava um cavalo negro enorme com asas de uma fumaça cinza que destruía tudo o que tocava e era seguida por um trovão e um raio, e eles seguiam o cavalo daquele Principado, que tinha a forma de uma mulher maravilhosa, com pele parecendo porcelana, mas seu julgamento era maligno e sem discernimento, mas mesmo assim, Ele passou para a terra através do pecado do homem e através  do pecado daquele que subjugou a natureza.

Google+ Badge

Google+ Followers

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Seguidores

Follow by Email

Google+ Followers