BOAS VINDAS!

Obrigada por visitar meu blog! Espero que tenha gostado! Dúvidas e comentários serão respondidos com atenção. Para ler todos os posts de uma história, é só clicar nos marcadores!



YAMÊ ARAM

sexta-feira, 11 de março de 2016

A VOVÓ DO ACABA MUNDO II


Um dia me foi mostrado a realidade espiritual da Vila Acaba Mundo. Meu espírito foi levado para o lugar onde o reino espiritual da Vila estava travando uma  batalha terrível contra  um Principado que  ninguém conseguia ver. Quando cheguei à comunidade espiritual daquele lugar, me espantei com as trevas que haviam cobrido todas as casas e impedido que qualquer luz banhasse aquele vilarejo de espíritos sofridos e amedrontados. Mas, logo pude perceber que haviam espíritos poderosos que as trevas não tinham conseguido encobrir a sua luz.

Haviam alguns palácios grandiosos que conseguiam iluminar quase toda aquela comunidade, que naquele dia estava vivendo mais uma noite eterna de ataques tenebrosos das legiões de demônios e anjos que compartilhavam do mesmo propósito e se uniram às trevas para destruírem todos que ali viviam. Nada me foi dito. Ninguém estava comigo, foi uma viagem espiritual que tive que trilhar sozinha. Não que eu estivesse com medo, mas eu sabia que não seria uma batalha fácil. Eu sabia também, que esse dia chegaria, meu maior medo, era que quando ele chegasse, meu tempo naquela comunidade também terminaria, e eu amava-os demais para querer me despedir e partir.

Por um bom tempo eu fiquei flutuando sobre aquele lugar, tentando perceber o máximo de informações que pudessem me dar algum discernimento mais claro sobre toda aquela situação aflitiva que todos ali sofriam, e afligia a cada um, sem exceção. Decidi voar até um dos palácios mais iluminados que meus olhos conseguiam ver. Ele era enorme, parecia ser de algum espírito muito antigo e sábio, pois mesmo naquela escuridão e medo que haviam subjugado até mesmo espíritos iluminados, existiam espíritos que não tiveram suas luz apagadas, mas pelo contrário, elas brilhavam ainda mais fortes.

Meus olhos estavam maravilhados com toda aquela beleza que havia por baixo daquelas trevas, e se deslumbravam em ver, finalmente, a verdadeira Vila Acaba Mundo, onde estava morando com seres humanos maravilhosos, e que se tornaram minha família, a família que me acolheu e amou, como uma mãe ama seu filho, sendo ele o Diabo que for. Eu amei esse lugar, mas tinha que seguir até aquela batalha, pois eu também sabia que podia fazer isso espiritualmente por eles, mesmo, que isso significasse o fim de minha estada naquela favela que pariu Yamê Aram...


Google+ Badge

Google+ Followers

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Seguidores

Follow by Email

Google+ Followers