BOAS VINDAS!

Obrigada por visitar meu blog! Espero que tenha gostado! Dúvidas e comentários serão respondidos com atenção. Para ler todos os posts de uma história, é só clicar nos marcadores!



YAMÊ ARAM

quarta-feira, 13 de agosto de 2014

O HOMEM QUE DESCEU DO CÉU III


         Depois que observei sua aparência divina, Ele olhou dentro dos meus olhos, seu olhar era tão profundo que fui sugada para dentro de seu espírito infinito, naveguei dentro dele por alguns minutos que mais pareceram várias eternidades. Não consegui fixar meus olhos nem meus pensamentos em nada, e também, seu espírito era um mistério profundo.

         Quando voltei para meu corpo, que estava inerte na minha pequena rede de macaco, observei que ele usava uma camisa branca como a nuvem que ainda movia-se no céu, uma calça preta, uma par de sapatos preto, mas que brilhavam e reluziam com os raios de sol que iluminavam seus pés. Ele então, começou descer os últimos degraus da escada branca que faltavam, no total, seis.

         Ele desceu os últimos degraus com tanta leveza, que parecia que o solado dos seus sapatos não tocavam os degraus da escada. Ao chegar no último degrau, Ele olhou-me mais uma vez dentro dos meus olhos, e novamente eu fui sugada para dentro de seu espírito, só que dessa vez, eu pude ver coisas magníficas e ocultas, coisas que chegaram a aterrorizar meu espírito, mas eu não tive medo, simplesmente fiquei deslumbrada com tudo que eu estava vendo.

         Voltei para meu corpo, e Ele estava em pé parado no último degrau da escada, então, olhei em suas mãos, e pude vê que no seu dedão da mão esquerda, havia um grande anel de ouro branco que continha uma pedra negra como carvão, que brilhava conforme ele movimenta seu dedo, e ao redor da pedra haviam muitas pequenas pedras de diamante branco que brilhavam como as estrelas no céu durante uma noite sem lua.

Google+ Badge

Google+ Followers

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Seguidores

Follow by Email

Google+ Followers