BOAS VINDAS!

Obrigada por visitar meu blog! Espero que tenha gostado! Dúvidas e comentários serão respondidos com atenção. Para ler todos os posts de uma história, é só clicar nos marcadores!



YAMÊ ARAM

terça-feira, 20 de maio de 2014

SÃO GABRIEL O ARCANJO


  Um dia, numa manhã maravilhosa, eu estava deitada no sofá de casa, e minha cabeça estava pendurada, minhas pernas estavam para cima apoiadas na parede, jeito que eu sempre gostei de dormir, não sei porque, mas tenho esses vícios estranhos. Meus olhos estavam fitados diretamente no portão de casa, havia um pátio enorme entre a porta da casa e o portão que dava para a rua.

   De repente, vi como se fosse um relâmpago que começou a passear pelo pátio, correndo em todas as direções, não conseguia discernir muito bem o que era que estava produzindo aquela luz em forma de relâmpago, foi quando um rapaz de uns dezessete anos de idade, aparentemente, apareceu encostando-se no umbral direito da minha portal, cruzou seus braços, e ficou olhando-me bem dentro dos meus olhos.

   Eu fiquei deitada do jeito que estava, meus olhos estavam fixos nele, e ao mesmo tempo sua aparência juvenil não engava-me, era um espírito dos mais poderosos que já tinha visto. Ele ficou durante um tempo olhando-me fixamente, e finalmente sorriu maliciosamente, com aquele sorriso que diz bilhões de coisas no canto da boca. Seu sorriso não transmitia nenhum mal, simplesmente era um sorriso que trazia muito mais que isso.

   Então eu do mesmo jeito que estava deitada perguntei-lhe:

   -Quem é você? Eu estava intrigada, e queria saber quem era aquele rapaz lindo que estava encostado em minha porta.

   -Sou Gabriel, e vim lhe trazer uma mensagem! Respondeu-me sorrindo ainda mais, só que agora, podia ver  seus dentes, brancos como a neve.

    -O que você quer me falar, Gabriel? Perguntei-lhe novamente.

    -Vim lhe falar que o tempo está finalmente chegando. O sol da manhã está nascendo, e o sol do oriente está se pondo. O anoitecer está à porta, pequenina. Ainda bem que te encontrei com os olhos abertos para me ver passar. Muitos que fui visitar estão dormindo, mas já que estas acordada a ti darei a mensagem. A nuvem escura logo cobrirá este sol. Contemple tudo. Observe tudo. Não julgues nada. Fico feliz em lhe encontrar pronta para receber e entender tudo que virá, o tempo de Daniel já chegou. É hora dos sábios decifrarem os enigmas deixados no passado. Muitos já se perderam, e muitos mais ainda se perderão. Os corações estão enuviados. A terra seca clama por chuva. O céu está sem nuvens para que faça sombra. A noite está sem lua para que haja luar.

Google+ Badge

Google+ Followers

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Seguidores

Follow by Email

Google+ Followers