BOAS VINDAS!

Obrigada por visitar meu blog! Espero que tenha gostado! Dúvidas e comentários serão respondidos com atenção. Para ler todos os posts de uma história, é só clicar nos marcadores!



YAMÊ ARAM

segunda-feira, 28 de abril de 2014

SOMBRINHA E MARQUISE

. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .. . . . . . . . . . . . . . . . . . . .. . . . . . . . . . . . . . . . . . . .. . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . . .. . . . . . . . . . . . . . . . Essas duas são igual água e óleo, nunca se misturam, ou pelo menos, não deveriam. Mas, o pior é que existe umas pragas chamadas "Sem Noção", que andam pelas calçadas, e pior, debaixo das marquises em dias de chuva, com a porra da sobrinha aberta, e vão jogando todos os que não tem como se proteger de se molhar, para fora das marquises, deixando-os a mercê do mundaréu d'água que esses dias tem caído sobre Belo Horizonte. E pra piorar a desgraça dos coitados que saem de casa desprovidos de proteção, os que possuem sombrinha, entram debaixo das marquises com uma enxurrada d'água caindo de suas malditas sombrinhas sobre todos os coitados que caminham espremendo-se sob as marquises numa tentativa inútil de se proteger da chuva, e as pestes vão molhando todo mundo, e fingem que não vêm nada, somente os pobres coitados sem proteção é que vão ficando mais molhados do que se estivessem andando na chuva. E quando alguém xinga um desses malditos "Sem Noção", eles ainda xingam de volta como se estivessem certos. É um absurdo isso! Tá vontade de...Não vou falar pra não estimular o ódio que já existe no coração do povo principalmente do centro. Até mesmo, os vendedores das lojas são molhados pelos "Sem Noção", e ficam querendo matá-los pela tamanha falta de educação e de desconfiômetro, desses que não estão nem ai pra ninguém, e ainda saem ensopando todos os que estão tentando andar tranquilamente, modo de falar, é claro, pois em dia de chuva, fica impossível você dá um passo sem trombar em alguém, as coitadas das marquises é sofrem para proteger tanta gente que tem sobrinha em casa, mas, sempre acha que não vai chover, e espremem-se igual formiga no formigueiro, disputando um pedacinho delas. Malditas sobrinhas! E olha que uma pessoa com sobrinha aberta, toma o lugar de cinco pessoas, e tem umas tão grande que são capazes de aguentar uma família inteirinha debaixo, chegam parecer mais uma tenda que uma sobrinha. Vou comprar um maçarico pra tacar fogo em todas as sobrinhas debaixo das marquises em dia de chuva! Brincadeira gente, mas que dá vontade dá!

Google+ Badge

Google+ Followers

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Seguidores

Follow by Email

Google+ Followers