BOAS VINDAS!

Obrigada por visitar meu blog! Espero que tenha gostado! Dúvidas e comentários serão respondidos com atenção. Para ler todos os posts de uma história, é só clicar nos marcadores!



YAMÊ ARAM

terça-feira, 6 de novembro de 2012

CALÇA MOLHADA MATA CABURÍ

A comunidade do Caburí, fica no município de Parintins, cidade do interior do Amazonas, essa comunidade além de ser esquecida pelos prefeitos, que só vão até ela quando querem votos, nada diferente daqui, parece também ser esquecida por Deus, pois, seus moradores, além de serem atormentados pelas dificuldades na educação, saúde, saneamento basico, meios de transporte público, que lá nem existem e custam os dois olhos da cara. Enquanto aqui as pessoas reclamam por pagar 2,65 de passagem, lá eles pagam quase uns cem reais para poder ir de um local ao outro, e nem existe ônibus, só barcos. Mas, como sempre digo, desgraça pouca é pobresa, além de todos esses problemas e muitos outros, a comunidade do Caburí, ainda é assombrada por um espírito ou assombração, que amedronta os moradores desse local esquecido por todos. Segundo moradores, durante as madrugadas sem lua e principalmente nas sextas feiras treze ou de lua cheia, um homem de calça molhada sobe das águas barrentas, caminhando e fazendo um barulho característico de quem molhou as calças. Todos da comunidade morrem de medo desse "CALÇA MOLHADA", que quando sobe do porto, alguém desce, google tradutor: MORRE! O barulho feito pelas pernas da calça molhada esfregando-se uma na outra durante a caminha desse ser dos infernos, traz pavor e muito medo à comunidade, que fica sem saber quem irá descer pelo que subiu, se bem que se pudessem escolher, muitos dos que foram, não teriam ido, e alguns dos que ficaram teriam descido, na selva é assim, quem não mata morre. Cadê os exorcistas do Vaticano, os feiticeiros, os benzedores ou evangélhicos para mandar de volta esse demônio para o inferno, se é que ele é de lá? Mas, a verdade é que até eles têm medo de descer, embora eu acho que irão. E assim, segue Calça Molhada fazendo todos molharem as calças. Sua subida e seguida da descida daquele que não molhou as calças, parece que urina não é usada no Amazonas só pra cortar o veneno do cipó timbó, mas, também para corta a morte trazida pelo Calça Molhada. A verdade é que na selva tudo mata ou morre!

Google+ Badge

Google+ Followers

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Seguidores

Follow by Email

Google+ Followers