BOAS VINDAS!

Obrigada por visitar meu blog! Espero que tenha gostado! Dúvidas e comentários serão respondidos com atenção. Para ler todos os posts de uma história, é só clicar nos marcadores!



YAMÊ ARAM

quarta-feira, 17 de outubro de 2012

A CASA MAL ASSOMBRADA XXIX

                      OLHOS DE FOGO.

          A explosão foi tão violenta, que pedaços de gelos perfuraram o corpo daquele espírito, pois, ele estava em carne, e podia ser ferido.

         –AÍ, MALDITA CRIANÇA! -Gritou ele com um monte de pedaços de gelo pontiagudos como diamante introduzidos no seu corpo.

        A força da explosão o jogou contra o teto da casa. Ele sumiu deixando gotas de seu sangue negro como petróleo caírem sobre chão e eu.

        As luzes vermelhas continuavam no quarto. Elas eram lindas como o rubi mais puro que existe.

        Havia um espelho grande e redondo na parede do quarto que dava de frente para a porta. Quando virei-me para olhar em volta de mim, pois, tinha medo que ele aparecesse rapidamente como das outras vezes e cravasse suas garras enormes em mim, vi meu reflexo no espelho que estava atrás das minhas costas.

        Assustei com o que vi. Meus olhos estavam vermelhos como aquelas luzes. Elas saíam dos meus olhos e percorriam por todo o meu corpo, produzindo aquele calor e a energia que dava pequenos choques elétricos em meus músculos

.       -Será que sou um demônio? -Perguntei assustada com aquilo.

        Nunca havia tido nenhuma experiência daquele jeito. Um medo enorme tomou conta do meu coração. Não queria ser como aquele espírito maligno. Uma paz repentina inundou meu coração e retirou aquele sentimento que apoderara-se de mim.

        Fiquei olhando diretamente para meus olhos refletidos no espelho, raios de um vermelho luminoso começaram a sair de meus olhos, eles eram tão fortes, que até meu corpo estremeceu.

Google+ Badge

Google+ Followers

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Seguidores

Follow by Email

Google+ Followers