BOAS VINDAS!

Obrigada por visitar meu blog! Espero que tenha gostado! Dúvidas e comentários serão respondidos com atenção. Para ler todos os posts de uma história, é só clicar nos marcadores!



YAMÊ ARAM

quinta-feira, 19 de abril de 2012

O SOPRANISTA

Quando criança, sonhava em ser cantora, mas, era capaz de desafinar uma igreja inteira cantando parabéns pra você. Era um desastre... como aquele pinguim que não tinha voz e só sabia sapatear. E também,não podia espressar minha voz feminina, já era afeminado por demais, não tinha como dá mais pinta... Certa vez assisti um video de Montserrat Caballe cantando com Freddie Mercury How can i go on, e disse em alta voz -MÃE VOU CANTAR IGUAL ELA! Minha mãe assustada e com vergonha me calou com um sorvete, pois todos já estavam olhando! Sonhos...Sonhos...minha vó evangélica, me dizia que eu devia aceitar Jesus pra não ir pro inferno. E eu respondia-SE DEUS EXISTISSE ME DAVA UMA VOZ PRA CANTAR! Numa manhã, uma voz como muitas cachoeiras caindo juntas produzindo aquele barulho enorme, acordeu-me dizendo:-JÁ PODES CANTAR! Juro que caguei nas calças! Desde então passei a produzir quatro sons diferentes. Quatro registros me foram dados pela aquela voz de Trovão. Segredo de Deus. Sou um entre um milhão de tenores que nascem com uma dualidade vocal, em vez dois, possuem quatro registros vocais. E entram no registro mais agúdo feminino, que é o soprano, com mais volume e beleza vocal por que é um corpo de um "homem". Esse registro cahama-se Sopranista.

Google+ Badge

Google+ Followers

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

Seguidores

Follow by Email

Google+ Followers